Rua Helena, 170 - conj. 23/ 24 - Vila Olímpia - 04552-050 - São Paulo - SP
(11) 5081-5351 ou (11) 5081-7951

Brasil avança na geração de energia a partir do biogás de aterros sanitários

Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes

Created with Sketch.

Volume gerado no último ano seria suficiente para abastecer cerca de uma cidade de quase 470 mil pessoas.

Segundo dados divulgados recentemente pela Agência Nacional de Energia Elétrica, a produção de energia elétrica a partir do biogás de aterros sanitários cresceu 14% no último ano. Em 2017, as 35 usinas que operam no País geraram 135,28 megawatts médios, ante os 118,6 MW médios gerados no exercício anterior.

O volume gerado no último ano seria suficiente para abastecer cerca de uma cidade de quase 470 mil pessoas, conforme os cálculos da Associação Brasileira de Biogás e Biometano.

“O aproveitamento do biogás de aterro sanitário para gerar eletricidade é atualmente uma importante alternativa para diversificar a matriz elétrica nacional e, ao mesmo, uma solução altamente sustentável dentro dos empreendimentos de disposição de resíduos no País”, comenta Carlos Fernandes, presidente da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes (Abetre).