Rua Helena, 170 - conj. 23/ 24 - Vila Olímpia - 04552-050 - São Paulo - SP
(11) 5081-5351 ou (11) 5081-7951

Entidade apresenta soluções para inadimplência dos serviços municipais de limpeza pública

Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes

Created with Sketch.

Apresentação do presidente da Abetre, Carlos Fernandes, aconteceu durante o seminário da Pollutec Brasil

O presidente da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes (Abetre), Carlos Fernandes, apresentou, durante o seminário da Pollutec Brasil, uma das maiores feiras do mundo na área de engenharia ambiental, realizada entre os dias 4 e 7 de abril em São Paulo, as propostas do setor para combater a inadimplência dos serviços municipais de limpeza pública.

Segundo o presidente da Abetre, existem no Brasil cerca de 3,3 mil prefeituras que ainda utilizam lixões para destinar os resíduos domésticos, e o prazo de erradicação dado pela PNRS já venceu há três anos. “O problema dos lixões é mais uma questão econômica do que exclusivamente ambiental”, comenta Fernandes.

“Portanto, resolver a questão dos lixões no Brasil passa, necessariamente, por medidas como a criação de um fundo garantidor, de regionalização para a destinação de resíduos domésticos e de sistemas de receita vinculada para a gestão de resíduos domiciliares”, acrescenta.